But if I seem to act unkind... It's only me, it's not my mind. That is confusing things.

domingo, 20 de julho de 2008

Imagine me and you... I do...


Salvei essa antes que ele excluísse do Orkut... Essa foto é de 2005, o ano mais feliz que tive até aqui. Como sinto saudades e como me fazia bem. Com ele eu aprendi que a pessoa pode ser amada de uma maneira muito sincera e linda. Com ele eu tive os melhores momentos. Gostaria que ele conseguisse lembrar de tudo também... Nossa amizade está abalada, por causa do "conflito de interesses", como me disse Lulu. Se um dia algo no universo sorrir de novo pra nós dois, serei a pessoa mais feliz do mundo. Eu não tenho vergonha de admitir que eu amo, mesmo sem ser correspondida, não tenho... Porque o que eu sinto é puro e verdadeiro, eu sei. Mas só o tempo vai me mostrar o que é certo pra mim. Daqui pra lá, eu quero me descobrir, e descobrir felicidade e sorrisos das mais variadas formas. Eu preciso ser feliz...


3 comentários:

Bel disse...

Precisa, sim, e VAI ser feliz.
Só "não se afobe não, que nada é pra já... o amor não tem pressa, ele pode esperar em silêncio, no fundo do armário... milênios, milênios no ar..."

Beijo, Sofia linda!

Cá disse...

e eu desejo tanto que vc seja feliz! já lhe oferici minha ajuda, qnd precisar vc sabe onde me encontrar, mas vc nunca aparece... tenho que viver colhendo informações suas...

bel disse a frase que eu ía dizer.
"não se afobe não que nada é pra já. o amor não tem pressa ele sabe esperar... em silêncio"

vc VAI ser feliz Sofia. A vida só quer te mostrar outros sorrisos, outras alegrias, mortar a vc que é maior.

.Intense. disse...

Nós, no mesmo barco, talvez. Mas eu tb, além de ser feliz, quero deixar de amar. Mas não tenho tanta certeza disso quanto tenho da primeira. Uma coisa de cada vez...

...a nossa diferença? eu não estava sendo feliz mais.