But if I seem to act unkind... It's only me, it's not my mind. That is confusing things.

quinta-feira, 31 de agosto de 2006

Aninha é minha vizinha de porta, tem 5 aninhos, é muito esperta e bem tagarela. Volta e meia fica lá em casa com a gente, domingo eu estava na internet e ouvindo Beatles quando chegou... O seu pai também gosta dos Fab 4, e ela conhece algumas músicas. Ela me disse que quando ele era criança costumava brincar de imitar os Beatles com os irmãos. Quando tocou All I've Got To Do, ela ficou meio indignada por não conhecer essa música e me perguntou se eles tinham lançado um cd novo!!!

Graças ao pai, Aninha conhece algumas coisas bem legais. Outro dia tava tocando música alta na casa dela, daí eu pedi pra ela perguntar o que ele estava ouvindo, na mesma hora ela me respondeu: O quê? Os Monkeys?! (!)

Voltando ao domingo, tava tocando Sgt. Pepper's Lonely Heart Club Band, quando a danadinha me conta uma das maiores novidades de todos os tempos:

- Sabia que Elvis morreu antes de eu nascer???

Pra não estragar com a notícia novíssima que ela tava me dando, eu fiz cara de surpresa e disse:

- Foi mesmo Aninha?? Não acredito!!

Precisa dizer que ela ficou se achando? :D

domingo, 20 de agosto de 2006

Eu tô postando da minha casa hoje. É muita emoção!

Eu falei no meu fotolog que ontem ia haver dois shows do ALIeENÍGENAS, e teve. E foi muito legal! Uma banda nova precisa tocar muito, pra adquirir experiência e conhecimento do público. O primeiro foi um ensaio aberto no Atelier Cayuana, e foi realmente um ensaio. Não tinha tanta pressão pra banda, e nem cara de show, já que era mais pra conhecidos. Foi um aquecimento pro show de verdade... Que aconteceu na Praça da Paz, uma praça lindinha que eu ainda não conhecia. Na minha época, quando eu morava em Mangabeira e pegada muitos ônibus que passavam pelos Bancários, a praça era um grande terreno e só. Agora ela está toda organizadinha, virou um ambiente totalmente familiar. Muito bom isso!

Então, o show do ALIeENÍGENAS foi bem bonito, tinha muita gente assistindo, e a banda se saiu muito bem. :) Eu filmei tudo!! É que a gente tá aproveitando a super máquina de Marquinhos (amigo da família de Caio, que agora tá de férias por aqui). Ela filma direto pro dvd, e a qualidade fica muito boa. No outro show deles, que houve no Sesquicentenário na semana retrasada, só deu pra gravar uma música, que dá pra assistir nesse link: http://www.youtube.com/watch?v=-6M68nWP_pg
Fiquei de braços duros, afinal filmar 40 minutos seguidos sem nenhum apoio cansa. Mas valeu a pena registrar um show tão bonito. Espero que a qualidade tenha ficado boa.

Agora, vamos falar de mim, ou melhor, da minha nova paixão... Mafalda. :} Eu conhecia algumas tirinhas, mas agora tô podendo ler todas!! Mafalda é uma personagem criada pelo argentino Quino, em 1962. Ela é uma garotinha de mais ou menos 6 anos, que é uma contestadora! Já está inconformada com o mundo, odeia sopa e adora os Beatles! :)))

O pai de Caio foi à São Paulo na semana passada e comprou o livro "Toda Mafalda", que tem quase todas as tirinhas de Mafaldinha. :} Quase todas, porque acabei de ler que depois dessa edição, foi feita uma compilação de tiras publicadas em uma revista Argentina nunca mais reeditadas. Daí agora quando vou na casa de Caio, eu fico só querendo ler o livro, que quase sempre é arracando das minhas mãos por ele, quando percebe que já faz quase uma hora que estou lendo. X) Mas eu vou terminar, e um dia quero um pra mim, com certeza. :)




Tchau tchau gente, um abraço! :*


segunda-feira, 7 de agosto de 2006

A árdua tarefa de balancear a obrigação e o lazer cansa, mas vale a pena. A consciência não fica tão pesada, afinal de contas é um dia inteiro de tarefas contra apenas algumas horas de distração. Vi Piratas do Caribe (Pirates of the Caribbean: Dead Man's Chest) duas vezes no cinema, e a Monga (a mulher que se transforma em lobisomem, que na verdade é uma fantasia de gorila) na Festa das Neves. A Festa das Neves é a época em que acontecem as comemorações do aniversário de João Pessoa. A festinha acabou já, foi semana passada. Eu fui poucos dias, mas foi divertido.
Hoje fui pega por uma dúvida. O que eu quero fazer, afinal? Eu tô gostando de design de interiores, dá trabalho, mas é bom, envolve criatividade e qualidade de vida. O que me impede de continuar o curso de uma maneira mais tranquila é que eu não sei o valor profissional que ele tem. Preciso pesquisar mais sobre isso. Eu não conheço ninguém que se formou nesse curso e já está trabalhando nessa área. E em todo canto tudo que se vê são arquitetos. Hoje minhas colegas estavam comentando que os arquitetos cuidam do exterior, do interior e agora até de design de produtos, tomando o lugar do pessoal de desenho industrial. Você poderia me dizer pra fazer arquitetura... Pode ser, é algo a se analisar ainda. O impecilho da vez é que não tenho o menor gosto por trabalhar com exteriores e urbanismo. Vale a pena ficar 5 anos (sem contar as greves) em uma universidade só por causa de uma assinatura? Do título arquiteta? Porque a parte que me interessa eu já vou ter visto em design de interiores, e já estarei até formada na área. Ó dúvida má.
O que eu adoraria mesmo é ganhar na loteria. :)
P.S.: Eu não tô conseguindo ler os comentários daqui do trabalho, e dificilmente acesso o blog de outros computadores - os do CEFET bloqueiam o Blogspot. Então, gente que comenta, obrigada pela presença e vou procurar ler os comentários o mais rápido possível, ok?